terça-feira, 28 de junho de 2022

Dissidentes do MDB fazem ato público em apoio a ACM Neto

Foto: Divulgação

Da Redação

O MDB de Feira de Santana realizou, nesta quinta-feira (26), um evento político para anunciar apoio ao projeto político do pré-candidato do União Brasil ao governo, ACM Neto. A ala emedebista se autodenomina como Grupo de Resistência Herzem Gusmão – numa homenagem político que ocupou o cargo de prefeito de Vitória da Conquista, mas acabou perdendo a luta contra a Covid-19 – e reúne lideranças de todo o estado que decidiram marchar com o ex-prefeito de Salvador na corrida pelo Palácio de Ondina.

Participaram do evento diversos parlamentares, prefeitos, vereadores e lideranças emedebistas e de outros partidos, entre eles o anfitrião Colbert Martins (MDB), prefeito de Feira de Santana, e o ex-prefeito do município José Ronaldo de Carvalho (União), que ainda sonha em compor a chapa majoritária como vice de ACM Neto. O candidato a governador pelo MDB em 2018, João Santana, que até recentemente era vice-presidente da sigla na Bahia, também participou do evento e enfatizou os motivos que fazem o apoio a ACM Neto continuar firme no pleito deste ano.

“Primeiro, ACM Neto foi um grande exemplo de administração pública de Salvador. Segundo, como costumam dizer, um exemplo vale mais do que mil palavras. E isso é verdade. É uma garantia do que o futuro da Bahia vai receber”, pontuou. “Procuramos conhecer as suas propostas e descobrimos, para a nossa felicidade, que você pretende planejar. E esse planejamento envolve a redução da desigualdade no estado, popularizar o ensino técnico em todos os níveis, dá garantia ao homem da Bahia para sair na rua a qualquer momento sem ser assassinado por alguém”, acrescentou.

De acordo com Santana, a ala de apoio ao projeto de Neto conta com prefeitos que representam 850 mil eleitores em todo o estado, enquanto o grupo que segue na base do atual governo contabiliza cerca de 45 mil eleitores. Números que demonstram a realidade interna do MDB na Bahia. João Santana citou ainda um dos fundadores do MDB, Ulysses Guimarães, e reafirmou que ACM Neto é a esperança do povo baiano.

Apesar de parte da sigla estadual ter migrado para a base da atual gestão baiana, o prefeito Colbert Martins ressaltou que o grupo de resistência da sigla vai caminhar ao lado de ACM Neto porque “quer o melhor para a Bahia”. “O MDB é verdadeiro, o MDB não se dobra, o MDB que quer o melhor para a Bahia está aqui. E nós queremos dizer que nosso apoio é o apoio de todos aqueles que estão ao lado do povo, que estão lutando para fazer da Bahia um lugar melhor e mais seguro para toda a nossa população”, disse.

No último final de semana, ACM Neto esteve em Itapetinga a convite de outro emedebista, o prefeito Rodrigo Hagge. Outro gestor municipal que já declarou apoio ao ex-prefeito de Salvador foi o de Xique-Xique, Reinaldo Braga Filho.

26 de maio de 2022, 15:03

Compartilhe: