terça-feira, 23 de abril de 2024

Jornalista acusa mascote do Internacional de importunação sexual

Foto: Reprodução

Da Redação

A jornalista Gisele Kumpel registrou um boletim de ocorrência contra o mascote do Internacional, o qual ela acusa de importunação sexual.

A jornalista explicou que o caso ocorreu durante o clássico Grenal no último domingo. Em um vídeo, Gisele contou que logo após deixar a delegacia em Porto Alegre (RS), o “Saci” teria a agarrado e tentou beijá-la logo após o terceiro e último gol do Internacional, convertido de pênalti, já nos acréscimos da partida.

Segundo o portal Leo Dias problema teria começado bem antes do fato que causou a denúncia de Gisele, já que a jornalista informou também que o mascote estava a importunando desde o começo do segundo tempo da partida.

“Fiz um comentário com um colega que estava do meu lado. Falei: ‘meu Deus, o mascote está me tirando do sério’. Neste momento, foi pênalti para o Inter. Quando houve isso, me deu um estalo para ficar longe. Até então, não tinha me incomodado a ponto de fazer um boletim de ocorrência, ele ‘só’ estava me importunando”, disse, detalhando em seguida o porquê de registrar o B.O e o momento da importunação:

“Quando sai um gol do Inter, geralmente ele comemora com a torcida dele, mas ele não foi, ele começou a comemorar perto de mim. Quando ele viu que não olhei para ele — porque estava olhando para o campo e, portanto, de lado para ele —, ele simplesmente me abraçou (…) Fui registrar o B.O, e a delegada disse que isso é importunação. Vou entrar com representação e medida protetiva na delegacia da mulher, para jogos futuros”, completou

27 de fevereiro de 2024, 12:25

Compartilhe: