quinta-feira, 28 de outubro de 2021

Brasileira é abandonada no deserto e morre na fronteira entre EUA e México

Foto: Arquivo pessoal

Da Redação

A enfermeira Lenilda dos Santos, de 49 anos, avisou a familiares que tinha sido abandonada no deserto na fronteira do México com os Estados Unidos. No dia 7 de setembro, uma terça-feira, e desde as 4h de domingo, ela estava com três amigos e mais um ‘coiote’ mexicano na caminhada que a levaria até o sonho de morar nos EUA mesmo sem ter o visto de entrada.

Uma semana depois, na quarta-feira (15), às 16h16, seu corpo foi encontrado. Segundo o pecuarista Leci Pereira, de 48 anos, irmão de Lenilda, a brasileira foi abandonada pelo grupo porque passou mal durante a árdua caminhada.

18 de setembro de 2021, 07:01

Compartilhe: