terça-feira, 21 de setembro de 2021

Governo inaugura serviço de hemodinâmica em Irecê e autoriza ampliação do hospital regional

Foto: Fernando Vivas/GOVBA

Da Redação

O serviço de hemodinâmica, que pode salvar a vida de um paciente infartado ou evitar a amputação de um membro, foi inaugurado pelo governador Rui Costa, no Hospital Regional Dr. Mário Dourado Sobrinho (HRDMDS), em Irecê, nesta sexta-feira (10). Na oportunidade, acompanhado da secretária da Saúde em exercício, Tereza Paim, Rui assinou ordem de serviço para novas obras de ampliação da unidade. Juntos, o serviço de hemodinâmica e a ampliação representam investimentos da ordem de R$ 32,7 milhões.

O governador também autorizou a Secretaria de Infraestrutura do Estado (Seinfra) a licitar um trecho de 9,5 quilômetros de estrada entre o distrito de Belo Campo, em América Dourada, e a localidade de Gameleira, em João Dourado, que vai receber recursos da ordem de R$ 8,5 milhões. Rui fez ainda a entrega simbólica de 372 títulos de terra, um investimento de cerca de R$ 558 mil. Também foram anunciadas, ainda para este ano, as licitações do anel rodoviário de Irecê e a recuperação e ampliação do aeroporto.

“Vamos imaginar o que era Irecê em 2007, o que era o hospital de Irecê, o que era a saúde da região. É um orgulho saber que aquilo que a gente pensou e sonhou está se materializando. Nós estamos implantando aqui no sertão da Bahia o que tem de melhor em equipamentos, em instalações, mas principalmente em profissionais de saúde com alta especialização. É esse serviço público de saúde que nós estamos trazendo para o interior da Bahia”, declarou Rui.

Ampliação

Nas obras de ampliação do hospital serão investidos aproximadamente R$ 27 milhões. Segundo Tereza Paim, o hospital vai receber dez leitos de UTI neonatal, mais dez de unidade semi-intensiva convencional e cinco de canguru. “É uma unidade materno-infantil com três leitos de Centro de Parto Normal, mais dois leitos de centro cirúrgico, formalizando um total de oito leitos na sala cirúrgica, contando com os seis antigos. Para além disso, nós temos 12 leitos para quimioterapia. Implantamos hoje aqui a hemodinâmica e mais 71 leitos de enfermaria para essas diversas especialidades”.

A secretária da Saúde em exercício destacou importância da obra. “Isso faz com que o hospital aumente a sua capacidade instalada hoje com 120 leitos para 171 leitos. A gente aumenta muito a possibilidade de a mulher ter o seu filho na própria região de saúde e ter uma assistência adequada, especializada para o nascimento, para UTI e na complexidade de oncologia”, disse.

Foram investidos cerca de R$ 5,7 milhões em obras de adequação e no novo angiógrafo. O serviço funcionará 24 horas, todos os dias para procedimentos de arteriografia, angioplastia e CATE (cineangiocoronariografia). Toda a equipe de médicos e enfermeiros foi treinada antes da realização dos primeiros exames. Serão realizados procedimentos em pacientes internos com indicação e em pacientes regulados por meio da Central Estadual de Regulação.

10 de setembro de 2021, 13:24

Compartilhe: