quarta-feira, 22 de setembro de 2021

Leo Prates diz que Ministério da Saúde não realiza distribuição igualitária de vacinas

Foto: Max Haack/Secom/PMS

Da Redação

O secretário de Saúde de Salvador, Leo Prates, criticou a gestão do Ministério da Saúde com relação à distribuição de vacinas.

Em entrevista à rádio Metrópole, Prates afirmou que a pasta não realiza a distribuição de forma igualitária.

“Não está tendo igualdade na distribuição de doses no Brasil. Como uma capital tem 79,9% da população vacinada, outra tem 45,3% e tem capital parâmetro com ainda menor”, afirmou.

O secretário defende que o Ministério distribua as próximas remessas de vacinas, de modo que os municípios voltem a ter uma porcentagem equivalente de pessoas imunizadas. “O município que recebeu a mais seja abatido dos lotes até que toda a população esteja no mesmo patamar”.

15 de junho de 2021, 12:50

Compartilhe: