quinta-feira, 11 de agosto de 2022

Prefeitura de Salvador realizará 279 mil consultas e exames em regiões de difícil acesso

Foto: Jefferson Peixoto/Secom

Da Redação

Com o objetivo de garantir um atendimento de qualidade em localidades com vazio assistencial e de difícil acesso da capital baiana, a Prefeitura de Salvador implantará o Programa Saúde Itinerante. No total, serão ofertados 279 mil procedimentos entre consultas e exames especializados em clínica médica, urologia, cardiologia, mastologia, ultrassonografia e mamografia. Serão investidos R$15,7 milhões para implementação do serviço.

Os casos com maior complexidade serão encaminhados à rede especializada para continuidade do tratamento. “Nosso objetivo é levar um acolhimento de qualidade em localidades da cidade que ainda possuem vazio assistencial. O foco é no diagnóstico precoce e fortalecimento da saúde preventiva. É uma forma de a gestão dar uma resposta imediata e garantir o atendimento para quem mais precisa”, explica o titular da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Decio Martins.

Chamamento público

A Prefeitura de Salvador já abriu um chamamento público para credenciamento de pessoas jurídicas de direito privado sem fins lucrativos para execução dos serviços de saúde itinerantes. O aviso de convocação foi publicado na edição da última terça-feira (19) do Diário Oficial do Município (DOM).

As atividades serão realizadas em unidades móveis equipadas para a realização de procedimentos destinados aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) da capital.

As pessoas jurídicas de direito privado sem fins lucrativos que tiverem interesse e atenderem aos requisitos previstos no edital poderão realizar a inscrição on-line, através do site www.saude.salvador.ba.gov.br.

21 de julho de 2022, 17:32

Compartilhe: