sábado, 22 de janeiro de 2022

Representantes da Anvisa pedem restrição de voos e comprovante de vacinação para entrar no País

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Da Redação

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) ratificou as orientações pela adoção de medidas restritivas que impeçam de forma temporária voos com destino ao Brasil, com origem de quatro países: Angola, Malawi, Moçambique e Zâmbia.

A agência enviou ofício assinado pelos seus cinco diretores à Casa Civil junto a uma nota técnica que reafirma as orientações de medidas restritivas que impeçam voos desses locais, de forma temporária.

No mesmo documento, a Anvisa recomendou a exigência do certificado de vacinação completa contra a Covid-19 para a entrada de viajantes no Brasil. Segundo o ofício assinado pela máxima autoridade sanitária do País, este é um requisito fundamental para permitir a entrada de estrangeiros e visto como necessário como medida de contenção da variante ômicron, já presente em território nacional.

Apesar da Anvisa ter sugerido a medida no dia 12 de novembro de 2021, a medida segue sem ser avaliada pelo Comitê Interministerial de combate à pandemia, responsável pela tomada de decisão.

02 de dezembro de 2021, 06:01

Compartilhe: