segunda-feira, 23 de maio de 2022

Sociedade de Pediatria denuncia Bia Kicis ao Ministério Público Federal

Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

Da Redação

A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) solicitou, nesta segunda-feira (17), que o Ministério Público Federal (MPF) investigue a deputada Bia Kicis (PSL-DF) pelo vazamento de dados de três médicos que defenderam vacinação infantil em audiência pública promovida pelo Ministério da Saúde. Em nota, a entidade diz que o gesto praticado pela parlamentar ” não pode ficar impune”.

Os médicos tiveram dados como CPF, e-mail e número de celular expostos na internet. Essas informações pessoais foram prestadas inicialmente ao Ministério da Saúde, antes da audiência.

Bolsonarista, a deputada Bia Kicis, que é contrária à vacinação obrigatória de crianças, admitiu à coluna de Malu Gaspar que compartilhou as declarações em um grupo de WhatsApp. No entanto, ela negou ser responsável pelo vazamento.

“Pela imprensa, a Deputada Bia Kicis (presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados) assumiu a responsabilidade pela publicização de informações, o que deixou os médicos acima citados em situação de vulnerabilidade, sendo alvos de ameaças e intimidações pelo seu posicionamento em relação ao tema da vacinação de crianças contra a covid-19”, diz a nota.

17 de janeiro de 2022, 20:58

Compartilhe: