terça-feira, 28 de junho de 2022

Rapidinhas: A ofensiva de Rui, a guerra das tarifas e a quase ‘canonização’ do bispo

Foto: Paula Fróes/GOVBA

Davi Lemos

Rui no ataque

O governador Rui Costa (PT), não somente surpreendeu petistas ao participar da agenda de pré-campanha de Jerônimo Rodrigues, Otto Alencar e Geraldo Júnior, em Itabuna, como também decidiu manter artilharia pesada contra o ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (União). Ainda em Ilhéus, onde esteve na sexta-feira (3), voltou a se referir a Neto como “filhinho de papai”, durante entrevista à imprensa local. Já em Itabuna, disse, no sábado (4), que as mulheres na capital baiana têm dificuldade para realizar preventivo ginecológico, essencial para identificar, por exemplo, casos de câncer no colo do útero.

Respostas

As respostas de ACM Neto e do prefeito de Salvador Bruno Reis têm sido as mesmas: tudo seria ocasionado pelo “desespero” de Rui Costa que veria patinar o seu pré-candidato a governador Jerônimo Rodrigues (PT). Bruno, nesta segunda-feira (6), chegou a se referir a Jerônimo como “poste” do governador. O prefeito ironizou ainda e declarou que o governador estava preso a um quadro da saúde municipal de quando os petistas, na gestão de João Henrique, administravam a Saúde.

Tarifas

O clima começou a esquentar entre o grupo de Neto e o de Rui na sexta-feira (3), quando Bruno Reis anunciou que a passagem dos ônibus iria para R$ 4,90 no dia seguinte. O gestor atribuiu a responsabilidade pelo aumento a Rui Costa, que não reduziu o ICMS sobre combustíveis, e ao governo federal, que não deu subsídio ao setor. A vereadora Marta Rodrigues, irmã de Jerônimo, disse que o prefeito fugiu da responsabilidade. Os petistas inclusive fizeram vídeo com trecho da coletiva em que Bruno afirmou que Salvador tem o pior sistema de transporte do Brasil – o gestor falava da baixa sustentabilidade econômica, sistema que afasta interessados na concessão.

Solução BRT

Inicialmente marcada para a quinta-feira (2), o anúncio com a informação do aumento só ocorreu no dia seguinte. Fonte desta coluna relata que o adiamento ocorreu para que fosse encontrada uma notícia que amenizasse o impacto de um aumento de tarifa; e ela surgiu: foi anunciado para setembro o início da operação do BRT. Agora é correr contra o tempo e colocar os ônibus para rodar. No Thomé de Souza, também se questiona até quando o governo vai manter o valor atual da tarifa do metrô e dos ônibus intermunicipais, que rodam precariamente há algum tempo.

Pré-candidato a deputado federal, Ricardo Maia (Foto: Divulgação)

Inelegível

O ex-prefeito de Ribeira do Pombal e pré-candidato a deputado federal, Ricardo Maia, teve o pedido de revisão de processo negado pelo Tribunal de Contas da União (TCU), tornando-se inelegível. Ricardo enfrenta problemas por não ter comprovado a utilização dos recursos repassados pela União para o atendimento do Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate) em 2014. Segundo advogados eleitorais, a situação de Ricardo é muito difícil de ser revertida.

Bispo quase canonizado

O bispo-auxiliar de Salvador, Dom Marco Eugênio Galrão, contou no sábado (4), durante uma celebração de missa na Paróquia Nossa Senhora de Fátima, em Stella Maris, que, na semana passada, ao sair de uma paróquia da capital onde também havia celebrado, teve um fuzil colocado apontado contra a cabeça. O prelado, muito bem humorado apesar do risco que correu, disse que os bandidos pensaram que ele era um policial disfarçado de padre. Na Paróquia de Stella Maris, onde foi celebrar o sacramento da crisma, ele brincou: “ao invés da crisma, estaríamos celebrando hoje a canonização do bispo”. Dom Marco não precisou em qual paróquia ocorreu a abordagem dos bandidos.

Apoio do apóstolo

O deputado estadual Samuel Júnior (Republicanos) recebeu apoio do Apóstolo Valdemiro Santiago, líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, que elogiou a fala do parlamentar em resposta ao ex-presidente Lula (PT), que se referiu aos pastores como “farofeiros”. “Quantas vidas, Lula, Deus tem transformado através desses ‘farofeiros’?”, questionou o deputado, que recomendou que o ex-presidente lavasse a boca com creolina antes de falar dos “homens de Deus”. Samuel Júnior também recomendou a Lula que experimentasse uma boa farofa – ele mesmo se deliciava com uma farofa de cuscuz. O Apóstolo Valdemiro parabenizou o pastor da Assembleia de Deus e deputado federal baiano: “parabéns, Pastor Samuel”. Valdemiro disse ainda, no vídeo compartilhado pelo deputado, que conversa com facilidade com Jair Bolsonaro (PL).

O vereador atrasado

Nesta segunda-feira (6), durante anúncio de ações na área cultural em Salvador, o presidente da Fundação Gregório de Matos, Fernando Guerreiro, relatou por que tem dificuldades para realizar as agendas marcadas com o vereador Leandro Guerrilha (PP). “Você atrasa demais nas reuniões. Quando você chega, eu já saí”, disse Guerreiro. Depois dessa exposição pública, Guerrilha deve chegar mais cedo às reuniões marcadas com o chefe da FGM.

Apocalipse no Porto

Quem quiser tomar um banho de mar na praia do Porto da Barra, também não pode postergar muito a agenda de lazer. O prefeito Bruno Reis citou hoje, na mesma agenda em que eram anunciadas ações na área cultural e da agenda ambiental, que o vereador André Fraga (PV) escreveu em artigo recente que toda a faixa de terra da praia do Porto deve desaparecer até o ano de 2.100. Então é bom se organizar para aproveitar uma das praias mais famosas de Salvador enquanto ela ainda estiver lá. O prefeito manifestou preocupação com as mudanças climáticas durante seu discurso.

Preparado?

Tem aumentado a preocupação de aliados do pré-candidato do PT ao governo sobre as condições que a candidatura governista tem para deslanchar. As entregas que o governo estadual pretende fazer não são vistas como trunfo suficiente para que Jerônimo Rodrigues ultrapasse ACM Neto nas pesquisas e, depois, nas urnas. “A campanha está muito solta, precisa de uma coordenação, e entrega de escolas [como apontou a última edição desta coluna] e de outros equipamentos ajuda, mas não é suficiente. Tem que haver preparo, e os debates serão cruciais”, disse um parlamentar governista. Ele diz que o desempenho de Jerônimo na sabatina do UOL demonstrou que o ex-secretário da Educação precisa se preparar melhor.

Pré-candidato a vice-governador Geraldo Júnior (MDB) (Foto: Ascom/CMS)

Plano B?

A atuação do pré-candidato a vice-governador Geraldo Júnior (MDB) tem chamado a atenção e gerado comparações com o desempenho de Jerônimo Rodrigues. O presidente da Câmara Municipal de Salvador revelou-se um opositor contundente do grupo de ACM Neto e promete infernizar a gestão de Bruno pelo menos até outubro. Na quarta-feira (1º), em audiência pública com agentes municipais de saúde da capital, o emedebista, em parceria com o vereador licenciado Henrique Carballal (PDT), prometeu não votar nada na Casa enquanto o prefeito não enviar projeto que eleve para dois salários mínimos os vencimentos básicos da categoria. A base de Bruno quer votar um subsídio estadual às empresas de ônibus. Será que vai trancar a pauta mesmo?

06 de junho de 2022, 16:40

Compartilhe: